Tártaro em cães: como podemos ajudar os peludos?

Publicado pela Equipe SERES | 10 julho 2022

#

O tártaro em cães é uma das principais causas de insuficiência renal e cardíaca nessa espécie. Não deixe isso acontecer com o pet, siga nossas dicas e mantenha a saúde bucal dele em dia!

tartaro em caes

Antes de tudo, porém, é importante ter calma. Vamos explicar direitinho o que é tártaro e o que fazer para preveni-lo. Além disso, se seu pet já tem o tártaro nos dentes, vamos ajudar você a cuidar disso.

Afinal, o que é o tártaro?

Você já deve ter ouvido falar que a saúde começa pela boca. Pois bem, isso é uma grande verdade. Se você descuidar da boquinha do seu cão, ele pode adoecer seriamente, então, não estamos falando de uma simples questão estética. Estamos falando de uma vida mais saudável.

O tártaro em cachorros, ou cálculo dental, é o acúmulo de restos de alimentos e sujidades nos dentes do pet devido à falta de escovação. Esse acúmulo gera a placa bacteriana, que nada mais é do que uma camada de detritos misturada com bactérias.

Com o tempo, ela se torna o tártaro, que é como uma pedra de cor cinza-escura em cima do dente. Como o tártaro fica muito duro, sua retirada com a escova de dentes é impossível. Por isso, uma vez formado, o tártaro em cães só pode ser removido com o auxílio de equipamentos odontológicos.

Ele é a afecção bucal mais frequente na odontologia veterinária. Afeta de 85 a 95% dos animais acima dos seis anos de idade. Estudos mostram que, a partir dos dois anos, 80% dos cachorros já apresentam algum grau de tártaro nos dentes.

Consequências do tártaro

A presença do cálculo dental leva ao desenvolvimento de outros problemas dentários, como a gengivite, que é a inflamação da gengiva. Ela também provoca pequenos sangramentos, principalmente quando o cachorro come a ração seca ou morde algum brinquedo.

E é aí que mora o perigo! Esse sangramento torna-se uma porta de entrada para as bactérias da boca caírem na corrente sanguínea e povoarem outros lugares. Elas preferem “morar” principalmente no coração e nos rins do cachorro.

Além da gengivite, o tártaro causa dor e periodontite, que é a inflamação do periodonto, conjunto de tecidos que envolvem e suportam os dentes. Isso leva à mobilidade anormal dos dentes, deixando-os moles e sujeitos a caírem, o que é classificado como tártaro avançado em cães.

Quando o tártaro atinge esse nível de gravidade, fica instalada a doença periodontal, que afeta as gengivas, os dentes, os ligamentos dos dentes e, inclusive, o osso onde os dentes ficam fixados, sendo altamente indicada a limpeza de tártaro em cães.

tartaro em caes

Complicações

Uma complicação comum do tártaro é a fístula oronasal. Trata-se da erosão do osso onde o dente está fixado, o que abre uma comunicação entre o céu da boca e o seio nasal. Com isso, o animal passa a espirrar quando come e principalmente quando bebe água.

Infelizmente, doenças renais e cardiovasculares também são complicações comuns do tártaro em cães. Por diversas formas bioquímicas, esses órgãos são os mais afetados pela doença, mas não são os únicos. Por isso, é muito importante prevenir a enfermidade.

Prevenção

Falando sobre como evitar tártaro em cães, a melhor forma é realizar a escovação diária dos dentes do seu amigo. Se isso se tornar um hábito, existe a redução de 90% na predisposição ao tártaro, simplesmente pelo controle da placa bacteriana.

Como escovar os dentes do peludo

Escovar os dentes de um cão não é tarefa fácil, por isso, é preciso que se torne um hábito. Se o pet é filhote, é bem fácil começar a escovação. Basta fazer disso uma brincadeira e elogiar bastante o filhote quando ele deixar escovar seus dentes.

Caso o animal já seja adulto, fica um pouco mais trabalhoso e exigirá uma dose extra de paciência do tutor. Esse processo pode demorar algumas semanas para se estabelecer, por isso a paciência. Escolha um horário em que ele esteja mais calmo, como após o passeio.

Comece acariciando os lábios dele por pouco tempo. Depois, só passe os dedos sobre os dentes e faça um reforço positivo (elogios e carinhos) para ele entender que receberá algo em troca sempre que cooperar.

Com o passar dos dias, repita o processo e lentamente introduza os apetrechos da escovação. Comece com uma gaze envolta nos dedos e passe-a gentilmente na face dos dentes que ficam em contato com as bochechas.

Aumente o tempo de contato da gaze com os dentes lentamente e agora introduza a pasta flavorizada, ele vai gostar! Comece a intercalar a gaze com a escova já com a pasta, aumentando o tempo da escova e diminuindo o tempo da gaze.

Somente depois do peludo se acostumar com a escova é que o tutor deve pensar em escovar a face dos dentes que fica em contato com a língua. Para que isso ocorra, o animal precisa ficar com a boca aberta, o que é o mais difícil de conseguir, mas não desista!

Tratamento

Se o pet já tem tártaro, o tratamento consiste na remoção do cálculo dental (tartarectomia canina), na extração dos dentes moles ou com a raiz exposta, no polimento da superfície do dente para diminuir a chance de nova aderência da placa bacteriana e na antibioticoterapia.

tartaro em caes

Por isso, se perceber o tártaro em cães e precisar de orientação veterinária, procure-nos. A Seres possui equipamentos odontológicos modernos e uma equipe de odontologistas pronta para lhe receber!

Aqui você encontra artigos incríveis sobre saúde e cuidados que podem ajudar a melhorar o bem-estar de seu bichinho de estimação, seja qual for a espécie do pet. Afinal de contas, o nosso instinto é cuidar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Notícias relacionadas

Ver todas notícias
Ferida na orelha do cachorro: devo me preocupar?

Ferida na orelha do cachorro: devo me preocupar?

#cachorro
03 outubro 2022

Umas das partes do corpo do nosso pet que chama mais atenção são as orelhas. Cada raça possui um formato […]

Continuar lendo
Casca grossa na pele do cachorro: um problema muito comum

Casca grossa na pele do cachorro: um problema muito comum

#cachorro
30 setembro 2022

Problemas dermatológicos estão entre as principais queixas de tutores quanto à saúde do seu animal. Grande parte dos cachorros são […]

Continuar lendo
Meu cão está muito triste! Existe remédio para depressão canina?

Meu cão está muito triste! Existe remédio para depressão canina?

#cachorro
28 setembro 2022

Assim como os humanos, os cachorros desenvolvem problemas psicológicos. Se notarmos distúrbios no comportamento do pet, em especial a tristeza, […]

Continuar lendo
Aprenda como alimentar cachorro com doença do carrapato

Aprenda como alimentar cachorro com doença do carrapato

#cachorro
15 setembro 2022

A doença do carrapato debilita e afeta muitos órgãos e sistemas do cachorro, deixando-o abatido e sem apetite. Por isso, […]

Continuar lendo
Viu o cachorro sangrando pelo nariz? Será que é preocupante?

Viu o cachorro sangrando pelo nariz? Será que é preocupante?

#cachorro
07 setembro 2022

Alguns sinais clínicos são comuns em diversas doenças. É esse o caso de quando o tutor vê o cachorro sangrando […]

Continuar lendo
Entenda as causas mais comuns de feridas em cachorro

Entenda as causas mais comuns de feridas em cachorro

#cachorro
05 setembro 2022

Os cães estão cada vez mais próximos da família. Eles entraram em nossas casas e corações. Com essa proximidade, passamos […]

Continuar lendo
Dar remédio para cachorro com diarreia com sangue é recomendado?

Dar remédio para cachorro com diarreia com sangue é recomendado?

#cachorro
02 setembro 2022

Quer saber se pode dar remédio para cachorro com diarreia com sangue? Antes de mais nada, é preciso saber os […]

Continuar lendo
Por que a glândula adanal do cachorro inflama?

Por que a glândula adanal do cachorro inflama?

#cachorro
30 agosto 2022

Viu o pet arrastando o bumbum no chão, lambendo insistentemente o bumbum, com uma substância amarronzada e um cheiro repugnante? […]

Continuar lendo
Descubra se dar vitamina para cachorro é necessário

Descubra se dar vitamina para cachorro é necessário

#cachorro
24 agosto 2022

Um ser humano adulto, preocupado com a própria saúde, pode pensar em tomar ao menos um multivitamínico por dia — […]

Continuar lendo

Assine nossa newsletter e receba novidades.