Se tem um problema de saúde que deixa todo tutor muito preocupado, é a paralisia em cães. Afinal, todos sabem que o quadro costuma ser delicado e nem sempre é reversível. Contudo, há tratamentos e meios de melhorar a vida do pet. Conheça as causas! 

paralisia-em-caes

Tipos de paralisia em cães 

Há várias possíveis causas de paralisia em cachorro. Da mesma forma, existe mais de um tipo de apresentação clínica, visto que o animal pode perder o movimento de um membro ou de todos. Assim, pode acontecer a: 

  • Tetraplegia: quando o animal perde o movimento dos quatro membros;
  • Paraplegia ou paralisia: é a perda parcial ou total, respectivamente, do movimento das patas traseiras do cão; 
  • Paraplegia aguda: nome dado quando a paralisia repentina em cachorro aconteceu há menos de 72 horas.

Vale destacar que, em alguns casos, o animal perde o controle da micção. Há também os peludos que ficam com prisão de ventre

O que causa paralisia em cães?

Meu cachorro está paralisado, o que aconteceu?” Essa é uma pergunta que muitos médico-veterinários escutam pelo telefone. Desesperado, o tutor liga e quer saber o motivo de o animal não se mover. Porém, como as causas são variadas, o pet precisa ser examinado. Entre as possibilidades, há, por exemplo:

  • Doença degenerativa do disco invertebral, que é mais comum nas raças cocker spaniel, dachshunds, pequinês, beagle, lhasa apso, shih tzu e buldogue francês;
  • Lesões da medula espinhal, uma das principais causas de paralisia em cães, que é consequência de trauma quando, por exemplo, o animal é atropelado, cai ou até sofre maus tratos;
  • Embolia fibrocartilaginosa e tromboembolismo aórtico (raros em cães), que são problemas vasculares;
  • Doença infecciosa que venha a afetar a medula espinhal do animal de estimação;
  • Mielopatia isquêmica, que acontece quando o sangue não chega até a medula óssea;
  • Miopatia degenerativa;
  • Fraturas e luxações na coluna;
  • Miastenia gravis, entre outros.

paralisia-em-caes

O que fazer caso note a paralisia em cães? 

Os primeiros cuidados com o cachorro é levá-lo ao médico-veterinário junto a uma pessoa que tenha conhecimento da rotina do cão. Assim, um histórico detalhado pode ser oferecido para ajudar no diagnóstico.

Posteriormente, o profissional faz a avaliação física do cão, bem como solicita exames complementares. Radiografia, ultrassonografia e hemograma estão entre eles. 

É necessário que o tutor sempre leve o animal para ser examinado e não tente dar nenhum remédio caseiro para paralisia em cachorro, porque isso pode prejudicar a saúde do pet. 

Como é feito o tratamento de paralisia em cães?

Como isso varia com a causa da doença, a medicação ou protocolo só são determinados após o diagnóstico do médico-veterinário. Há desde casos em que  repouso e medicamentos específicos são indicados até lesões que requerem procedimento cirúrgico. 

Corticosteroides e medicações para dor são comumente prescritas. Além disso, após o procedimento cirúrgico, quase sempre, o animal precisa de fisioterapia. Técnicas de acupuntura também podem ser prescritas para ajudar na recuperação. 

De qualquer forma, o tutor deve seguir tudo o que for prescrito pelo profissional e, além de manter o ambiente e o animal limpos, administrar toda a medicação. Vale lembrar que alguns animais perdem o controle da micção e podem até precisar de fraldinhas. A pessoa deve estar preparada para dar esse suporte ao pet.

Como evitar a paralisia em cães? 

Embora as causas da paralisia em cães nem sempre possam ser evitadas, há alguns cuidados preventivos importantes. São eles:

  • Nunca deixe o seu peludo sair de casa sozinho, pois ele corre o risco de ser atropelado ou se tornar vítima de maus tratos;
  • Não permita que ele tenha acesso a locais em que algo pode cair sobre ele, como ambientes que estão sendo reformados ou construídos, por exemplo;
  • Sempre dê banho em locais com piso antiderrapante;
  • Brinque muito com o pet, mas sempre com cuidado para ninguém se ferir;
  • Caso note qualquer anormalidade, leve o animal ao médico-veterinário quanto antes. 

paralisia-em-caes

Como as causas de paralisia em cães são diversas, geralmente é necessário realizar diversos exames complementares. Veja os mais comuns nesses animais.