Diabetes em cães: sinais clínicos e tratamento

Publicado pela Equipe SERES | 10 julho 2022

#

A diabetes em cães, também conhecida como diabetes mellitus, é uma doença endócrina e relativamente comum, é mais frequente em cães obesos e idosos. Caso o seu peludo seja diagnosticado com essa doença, é possível que ele precise receber medicamentos e também realizar alguns ajustes na alimentação. Saiba mais sobre a diabetes.

diabetes em cães

Diabetes mellitus em cães

A Diabetes mellitus costuma acometer os pacientes com mais de cinco anos de idade. Ela pode ser tipo I ou tipo II. Na do tipo I, o aumento da taxa glicêmica se dá por causa da carência relativa ou absoluta na produção de insulina pelas células β do pâncreas. 

Esse é o tipo mais frequentemente diagnosticado em cães, podendo até se tornar insulinodependentes. Embora possa acometer qualquer cão, em algumas raças costuma ter maior incidência. São elas:

  • Poodle;
  • Dachshund.
  • Schnauzer;
  • Beagle;
  • Golden Retriever;
  • Labrador;
  • Spitz,
  • Samoieda.

cachorro com diabetes mellitus tipo II acontece quando os tecidos do corpo são resistentes à insulina. Dessa forma, mesmo que o organismo produza muito desse hormônio, a taxa glicêmica do pet será elevada.

Causas da diabetes em cães

A ciência ainda não determinou exatamente o que leva diabetes em cachorro. Contudo, há alguns fatores que podem estar relacionados ao desenvolvimento da doença, como, por exemplo:

  • Secundária a outras doenças (hiperadrenocorticismo, Pancreatite, dentre outras)
  • Ingestão de drogas citotóxica;
  • Predisposição genética;
  • Disfunção hormonal (hormônios diabetogênicos como glicocorticóides, glucagon, catecolaminas, hormônio do crescimento, progesterona);
  • Desenvolvimento durante a gestação,
  • Obesidade.

diabetes em cães

Sinais clínicos

Como a doença dificulta a entrada de glicose nas células para produzir energia, o organismo aumenta o catabolismo. A glicose, que está circulando em excesso, precisa ser eliminada, por isso, o peludo começa a fazer mais xixi e, consequentemente, tem mais sede. Assim, podemos dizer que os sinais clínicos que podem ser notados pelo tutor são:

  • Sede excessiva;
  • Perda de peso;
  • Aumento de apetite,
  • Alta produção urinária.

Diagnóstico e tratamento

O diagnóstico é feito com base nos sinais clínicos e em exames complementares, incluindo exames de urina. Além disso, será preciso investigar as possíveis causas da diabetes mellitus em cães, ou seja, avaliar se não há outra doença que tenha levado o cão a desenvolver os sintomas de diabetes em cachorro.

Além de tratar a possível doença que pode ter levado o animal a desenvolver a diabetes, pode ser necessário até mesmo administrar insulina para cachorro. O médico-veterinário prescreverá a quantidade e os períodos para a administração, bem como os cuidados necessários.

A alteração da dieta também se faz necessária, aumentando a oferta de fibras e oferecendo carboidratos complexos. No caso de cachorros obesos, além de uma ração para cães diabéticos, é preciso oferecer uma dieta que os ajude a perder peso. 

Além disso, exercícios físicos também são recomendados. Passeios diários e brincadeiras, por exemplo, são boas opções. No caso das fêmeas, como a diabetes mellitus em cães pode ter ligação com a alteração hormonal, a castração é frequentemente recomendada.

diabetes em cães

Embora a ração para cães diabéticos exista e seja facilmente encontrada, por vezes o médico-veterinário poderá prescrever a dieta natural balanceada. Saiba mais sobre ela.

Aqui você encontra artigos incríveis sobre saúde e cuidados que podem ajudar a melhorar o bem-estar de seu bichinho de estimação, seja qual for a espécie do pet. Afinal de contas, o nosso instinto é cuidar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Notícias relacionadas

Ver todas notícias
Dente de cachorro caindo: saiba se é normal

Dente de cachorro caindo: saiba se é normal

#cachorro
14 novembro 2022

Todo tutor adora ver seu bichinho feliz e saudável, por isso, brinca e oferece brinquedos para ele se divertir. Durante […]

Continuar lendo
É possível identificar fezes de cachorro com giárdia?

É possível identificar fezes de cachorro com giárdia?

#cachorro
08 novembro 2022

A giardíase, ou seja, a infecção do seu peludinho por um protozoário unicelular, pode alterar o sistema digestório, causando gases, […]

Continuar lendo
Doenças cardíacas em cães: saiba como identificar

Doenças cardíacas em cães: saiba como identificar

#cachorro
27 outubro 2022

Assim como nos seres humanos, as doenças cardíacas em cães também são patologias frequentes, geralmente associadas à idade mais avançada. […]

Continuar lendo
Seu cachorro não bebe água? Isso não é um bom hábito!

Seu cachorro não bebe água? Isso não é um bom hábito!

#cachorro
26 outubro 2022

A água é a substância mais abundante no corpo dos animais. Se seu cachorro não bebe água, você deve descobrir […]

Continuar lendo
Dentista-veterinário: saiba mais sobre essa especialidade

Dentista-veterinário: saiba mais sobre essa especialidade

#cachorro
25 outubro 2022

A medicina veterinária vem crescendo a cada dia. É comum nos depararmos com novos produtos, tratamentos e até mesmo doenças […]

Continuar lendo
Conheça como vive um cachorro deficiente

Conheça como vive um cachorro deficiente

#cachorro
24 outubro 2022

Os animais, assim como os seres humanos, podem sofrer acidentes, ser diagnosticados com doenças de difícil tratamento ou nascer com […]

Continuar lendo
Conheça algumas causas de cachorro cansado

Conheça algumas causas de cachorro cansado

#cachorro
23 outubro 2022

Após longos passeios, corridas e brincadeiras no quintal, ou seja, após um alto gasto energético, é normal ver o pet […]

Continuar lendo
Como saber se o cachorro está ficando cego e como ajudá-lo

Como saber se o cachorro está ficando cego e como ajudá-lo

#cachorro
06 outubro 2022

Apesar de o olfato ser o sentido mais aguçado e importante para o cão, isso não quer dizer que se […]

Continuar lendo
Ferida na orelha do cachorro: devo me preocupar?

Ferida na orelha do cachorro: devo me preocupar?

#cachorro
03 outubro 2022

Umas das partes do corpo do nosso pet que chama mais atenção são as orelhas. Cada raça possui um formato […]

Continuar lendo

Assine nossa newsletter e receba novidades.