Notou o cachorro com dor de barriga? O principal sinal que o tutor percebe quando o peludinho está com esse problema é a alteração nas fezes. Ela pode se apresentar diarreica, com muco ou apenas com consistência mais mole do que deveria. Mas por que isso acontece? Veja as possíveis causas e como ajudar o peludo. 

cachorro triste com dor de barriga

Quando desconfiar de cachorro com dor de barriga?

A dor de barriga em cachorro costuma ser notada pelo tutor quando ele vai limpar o cocô do bichinho e percebe a consistência alterada das fezes. Algumas vezes, estas estão apenas mais moles, em outras, a diarreia é intensa.

A coloração das fezes também pode ser alterada, bem como a frequência com a qual o animal defeca. Tudo isso vai variar de acordo com a causa do problema e o estado de saúde do animal como um todo. Vale ressaltar que a diarreia é qualquer alteração na consistência das fezes. 

O que causa dor de barriga em cães? 

Há inúmeras doenças ou alterações de manejo que podem deixar o cachorro com esse sintoma. As suspeitas diagnósticas vão mudar de acordo com a idade do cachorro, a frequência da defecação e as características das fezes. Assim, como se o quatro é novo, nunca havia acontecido, ou crônico, vem se repetindo frequentemente. 

Além disso, a alimentação do animal, vermifugação, vacinação e se tem contactantes também é levada em conta pelo especialista ao chegar no diagnóstico.

As causas são tão diversificadas que será preciso levar o peludo ao médico-veterinário o quanto antes para que ele seja examinado. Entre as mais comuns estão:

  • verminoses;
  • troca de ração sem a adaptação recomendada;
  • consumo de algum alimento indevido;
  • ingestão de planta ou substância tóxica;
  • giardíase e isospora — infecções causadas por protozoários;
  • parvovirose — doença viral grave que acomete filhotes;
  • colite crônica/ doença inflamatória intestinal;
  • alteração na microbiota (bactérias intestinais) devido à administração de antibióticos (disbiose).

O que mais um cachorro com dor de barriga pode apresentar? 

Além do incômodo e da alteração das fezes, há outras manifestações clínicas que comumente são percebidas pelo tutor. Elas variam muito de acordo com a origem do problema. Dentre as principais estão:

  • cachorro com dor de barriga e vomitando;
  • fraqueza;
  • febre;
  • cachorro com barriga inchada;
  • desidratação;
  • apatia;
  • evitar comer;
  • cachorro com dor de barriga e gases.

A desidratação acontece como consequência da diarreia. Quando há vômito, a situação fica ainda mais preocupante, pois a desidratação costuma se agravar com mais rapidez e a vida do pet pode ficar em risco. 

cachorro com a orelha abaixada

Como saber o que causou a dor de barriga no cachorro?

Caso o tutor perceba qualquer alteração no peludo, é importante que não tente dar nenhum remédio caseiro para cachorro com dor de barriga. Dependendo do que a pessoa oferecer ao animal, poderá piorar o quadro e prejudicar a saúde do pet.

Por isso, o indicado é levar o pet ao médico-veterinário. O profissional irá perguntar sobre o histórico e os hábitos do peludo, então é importante que o acompanhante do bichinho conheça bem essa rotina. Assim, poderá dar informações variadas, como, por exemplo:

  • se houve troca de ração;
  • se animal teve acesso a algum alimento diferente;
  • se a vacinação dele está em dia (há vacina para proteger o peludo da parvovirose);
  • quando foi a última vez que o animal foi vermifugado;
  • se ele tem acesso a plantas, pois isso pode deixar o cachorro com dor de barriga;
  • quantas vezes ele fez cocô com a consistência alterada;
  • qual é a coloração das fezes;
  • se havia ou não a presença de muco ou sangue.

Todos esses dados ajudarão o profissional a chegar a um diagnóstico. Além disso, o médico-veterinário vai examinar o peludo e poderá solicitar alguns exames para descobrir o que deixou o cachorro com dor de barriga.

Entre os exames mais frequentes estão aqueles para diagnóstico da parvovirose, quando houver suspeita da doença, e o ultrassom. Além deles, é possível que seja solicitado também o exame de sangue.

Como tratar o cachorro com dor de barriga?

O tratamento varia de acordo com o que deixou o cachorro com dor de barriga. Se o animal estiver desidratado, é provável que o médico-veterinário realize a fluidoterapia (soro na veia ou subcutâneo). 

Além disso, antibióticos, antitérmicos, antiprotozoários ou antiparasitários poderão ser prescritos como alternativas de remédio para dor de barriga de cachorro, de acordo com o caso.

Como evitar que o cachorro fique com dor de barriga?

  • Dê um alimento balanceado e adequado para a espécie, raça e idade;
  • Vacine o animal de acordo com o protocolo do médico-veterinário;
  • Não dê alimentos gordurosos ao pet;
  • Fique atento aos alimentos que o cão não pode comer.

cachorro negando bolinha

Você sabe quais são as comidas proibidas para cães? Veja as principais