O peludo está mancando ou recusa apoiar o pé no chão? Esse tipo de situação é comum quando há uma pata de cachorro machucada, seja por corte, doença ou até queimadura. Quer saber mais? Veja o que fazer e como evitar que isso aconteça com o seu pet!

pata de cachorro machucada

O que deixa a pata de cachorro machucada?

Os cães têm uma almofadinha nos pés chamada coxim plantar. Embora elas pareçam ser muito resistentes, podem sofrer lesões e até queimaduras. É o que acontece, por exemplo, quando o tutor decide passear com o peludo enquanto o sol está quente.

Ao sair, a pessoa não avalia a temperatura do chão e coloca o bichinho para caminhar. Nessa situação, quando o solo está quente, muitas vezes, o tutor nota que o pet passa a claudicar durante ou depois do passeio.

Ao olhar a pata, às vezes, há até pequenas bolhas. Isso sugere que o pet queimou o pezinho durante o passeio e está sentindo dor. No entanto, embora as queimaduras sejam frequentes, há outros motivos para encontrar o cachorro com a pata machucada. Entre eles:

  • Ferida no coxim plantar causada por trauma, como quando o animal pisa em vidro, farpas ou pontas afiadas;
  • Presença de espinho no local, que ainda está fincado no pé do peludinho;
  • Lesões causadas por atropelamento ou quando o cachorro apanhou de alguém;
  • Pododermatite (problema de pele nos pés), que causa coceira e resulta em um machucado na pata de cachorro;
  • Erosão causada ao caminhar por muito tempo em terrenos duros,
  • Unha muito grande, que cresce curva e perfura o dedinho, deixando a pata de cachorro machucada.

Meu cachorro começou a mancar durante o passeio. Será que está machucado?

Muitas vezes, o tutor sai com o peludo e nota que ele começou a claudicar. Nesses casos, embora quem vai definir o que fazer com pata de cachorro machucada seja o médico-veterinário, há alguns procedimentos que a pessoa pode realizar para minimizar o desconforto. São eles:

  • Verifique se o chão não está quente demais. Caso esteja, pegue o pet no colo e leve-o para a sombra para que o pé dele pare de queimar;
  • Olhe a patinha que ele não está apoiando e veja se não há espinhos ou pedrinhas entre os dedinhos ou perto do coxim. Muitas vezes, não é um caso de pata de cachorro machucada, mas, sim, de haver enrolado no pelinho,
  • Veja se há sangue no pezinho e, caso haja, pressione o local com gaze, algodão ou pano limpo, até que você chegue à clínica veterinária com o pet.

pata de cachorro machucada

Como tratar pata de cachorro machucada?

O médico-veterinário precisará examinar o peludo para definir como cuidar de pata de cachorro machucada. Para isso, o profissional vai fazer o exame físico completo. Além disso, se o pet foi vítima de agressão ou atropelamento, é possível que seja solicitado um exame de radiografia.

Ele ajudará a avaliar os ossos da pata de cachorro machucada, para o especialista avaliar se houve lesão. Quando a causa for definida, o profissional poderá prescrever o que passar na pata machucada de cachorro. Aliás, o protocolo varia muito.

Em casos nos quais o peludo está com um corte profundo, por exemplo, é possível que seja preciso sedá-lo para suturar (dar ponto). Já quando a ferida for superficial, o médico-veterinário poderá fazer a higienização do local e prescrever um remédio para machucado na pata de cachorro que seja cicatrizante.

Se for uma dermatite, além da medicação tópica, muitas vezes, é preciso administrar antibióticos ou antifúngicos orais. Já em casos mais graves, como atropelamento com trauma em algum osso do bichinho, até a cirurgia poderá ser indicada. Tudo dependerá do diagnóstico.

Como evitar que o cachorrinho fique ferido?

  • Sempre verifique a temperatura do chão, antes de levar o pet para passear. Isso ajudará a evitar queimaduras;
  • Prefira sair com o peludo em períodos do dia que estejam mais frescos;
  • Sempre coloque coleira e guia, para que ele faça o trajeto em segurança;
  • Evite locais com objetos perfurocortantes;
  • Mantenha em dia a tosa higiênica dos animais com pelos longos. Isso ajuda a manter os pés limpinhos, sem umidade, e evitará dermatite fúngica,
  • Mantenha o quintal limpo.

pata de cachorro machucada

Claro que acidentes podem acontecer, mas, com esses cuidados simples, é possível evitar que o bichinho se machuque brincando ou durante uma caminhada. Além disso, é importante limpar as patinhas do pet corretamente após chegar do passeio. Você sabe o que pode e o que não pode fazer na hora dessa limpeza? Veja dicas!